Bem, como saber onde devo deixar meu dinheiro: poupança ou Tesouro direto?

Bem, como saber onde devo deixar meu dinheiro: poupança ou Tesouro direto? 1
Foto: Philippe Turpin/Photononstop

Você quer começar a guardar dinheiro, botou os pés no chão e freou os gastos. Estava tudo certo pra jogar na poupança, mas escutou de longe algo sobre tesouro direto.
Está mais pensando na poupança que é mais comum, já que med de perder tudo. Mas será que a poupança é o único investimento seguro do mercado? E agora, onde aplicar seu dinheiro: Poupança ou Tesouro direto?

A resposta vai envolver diversas informações, sendo que tem de levar em consideração o seu objetivo do seu investimento. Algo é certo que nenhum banco lhe conta, o rendimento na poupança é bem abaixo do tesouro direto.
E não se preocupe, tesouro direto é seguro e a cada dia que passa, muitos estão começando a investir.

O que é poupança?
É o tipo de investimento mais comum entre os brasileiros. O cliente do banco deposita o valor que quiser em sua caderneta de poupança e pode retirar toda a quantia ou uma parte do dinheiro a qualquer momento, sem a cobrança de taxas. A aplicação tem um rendimento mensal – ou seja, um valor que é acrescido sobre o montante guardado todo mês.

Vantagens
– É possível investir qualquer valor;
– Tem liquidez – ou seja, o poupador pode resgatar seu dinheiro a hora que quiser sem pagar nada por isso;
– É isenta de Imposto de Renda.

O que são títulos do Tesouro Direto?
Comprar um papel do Tesouro é um investimento que funciona como um empréstimo ao governo. Uma pessoa compra um título da dívida pública e recebe depois de um prazo de vencimento do papel o valor investido acrescido das taxas de rentabilidade, ou seja, os juros pelo dinheiro emprestado aos cofres públicos.

Vantagens
– É um dos investimentos mais seguros que existem, tendo como garantidor o Tesouro Nacional;
– A rentabilidade é mais alta, podendo ser atrelada à inflação;
– A variedade de títulos é grande, é possível escolher qual se ajusta melhor ao objetivo financeiro.

Simulação
Bem, como saber onde devo deixar meu dinheiro: poupança ou Tesouro direto? 2

Com o Simulador do Tesouro Direto você descobre o título mais indicado aos seus objetivos financeiros e, de uma maneira inovadora, compara a rentabilidade desse título com as principais alternativas de renda fixa disponíveis no mercado.

Quer planejar o seu amanhã? No Simulador do Tesouro Direto, basta informar quanto você quer aplicar hoje para descobrir quanto terá no futuro! Ou, se preferir, dá para dizer quanto você quer ter no futuro para saber quanto deverá aplicar hoje!

Ex.: Coloquei aplicação de R$1.000,00 e todo mês colocar R$100,00. Veja o resultado em 2025 pelo Tesouro direto e Poupança.

Bem, como saber onde devo deixar meu dinheiro: poupança ou Tesouro direto? 3
Título: R$ 10.090,49 | Poupança: R$ 9.377,04

Resumindo…
O Tesouro Direto Selic é um título de dívida emitido pelo governo. Isso significa que ao investir nele, você estará emprestando dinheiro ao poder público. Essa é a principal função do Tesouro Direto para o emissor.

Para o investidor que busca aplicar com a flexibilidade de poder resgatar o dinheiro quando quiser, sem perda de lucro, o Tesouro Direto é uma ótima opção.

Existem diversos tipos de títulos que são emitidos pelo Tesouro Nacional, a fim de captar recursos no mercado. Eles podem ter uma natureza de curto prazo, como o Tesouro Selic, ou de médio e longo prazo, como esses a seguir:

Tesouro IPCA+
Tesouro Prefixado
Tesouro IPCA+ com juros semestrais
Tesouro Prefixado com juros semestrais