Como fazer ligações em vídeo para várias pessoas ao mesmo tempo

Como fazer ligações em vídeo para várias pessoas ao mesmo tempo 1
Família de SP se juntou em videoconferência para cantar parabéns pelos 75 anos da avó — Foto: Arquivo pessoal

Não pode juntar gente e nem sair para abraçar os amigos… Em tempos de luta contra o coronavírus, o jeito tem sido matar a saudade e espantar a solidão por ligações de video online. Além de ser seguro conversar à distância, não custa nada: existem muitas opções grátis.

As principais redes sociais oferecem videochat (só não tem no Twitter), mas a maioria limita muito o número de pessoas. Para grupos maiores, existem outras plataformas mais conhecidas por quem já usa para trabalho: do tradicional Skype ao Google Hangouts e o Zoom.

Dá para reunir as crianças da sala da escola, promover aulas e shows online, comemorar aniversários cuja festinha foi adiada e até happy hours (não vai precisar brindar com o espelho 😉

Veja abaixo o guia de como usar as principais plataformas gratuitas. Caso vá fazer as chamadas do computador, não esqueça de verificar se ele tem câmera e microfone (dá para usar um fone com microfone também).

WhatsApp
Limitado a 4 pessoas por videochamada.

Apesar de ser muito popular no Brasil como aplicativo de conversas em texto e áudio, inclusive com grupos, na hora da conversa em vídeo, o WhatsApp só aceita até 4 pessoas, e somente pelo celular (não funciona na versão web). Por outro lado, é bem simples de fazer e todas as pessoas aparecem na tela dividida.

Como fazer chamada em vídeo pelo WhatsApp:

Para chamar pessoas que estão num mesmo grupo, abra a aba de conversa desse grupo e clique no ícone de telefone que fica no canto superior direito
Um menu vai aparecer na parte de baixo da tela, com uma lista dos participantes do grupo. Você poderá selecionar até 3 pessoas, para chamar (com você, serão 4). Feito isso, clique no ícone da câmera
Para chamar fora de grupo, selecione primeiro uma pessoa e abra a aba de conversa. Clique no ícone de câmera que fica no canto superior direito (ao lado do ícone de telefone).
Inicie a chamada em vídeo e, no canto superior direito, vai aparecer a opção de adicionar mais pessoas (um sinal de +). Você poderá adicionar até 3 (com você, serão 4).

Instagram
Limitado a 6 pessoas por videochamada.

A rede social também tem a opção de conversa em vídeo em grupo, no Direct (ou Inbox). Mas também é limitada, e somente pelo celular. Todas aparecem na tela dividida.

Como fazer chamada em vídeo pelo Instagram:

Ao entrar no Instagram, clique no ícone de mensagem direta (seta), no canto superior direito da tela inicial
Toque no ícone da câmera no canto superior direito
Selecione até 5 pessoas (com você, serão 6).

Facebook Messenger
Até 50 pessoas por videochamada.

O Messenger é bem menos limitado que seus “colegas de firma” WhatsApp e Instagram para chamadas em vídeo. Porém, com mais de 6 pessoas na chamada, a tela só mostra quem estiver falando na hora.

Como fazer chamada em vídeo no Facebook Messenger:

É mais fácil usar o aplicativo do Messenger (pode baixar clicando no ícone do Messenger dentro do Facebook ou pela pela loja de aplicativos – Google Play ou App Store, se tiver iPhone);
Se não quiser, dá para entrar pela própria página do Facebook no celular, tablet ou computador, e clicar no ícone do Messenger (no canto superior direito)
Selecione as pessoas ou o grupo e clique no ícone da câmera
Lembre-se de que, com mais de 6 pessoas, a tela só mostra quem estiver falando na hora.

Google Hangouts
Até 25 pessoas por videochamada.

Muito usado para conversas de texto, é como se fosse um “whatsapp” do Google. Ele junta pessoas que tenham qualquer conta na plataforma (Gmail, YouTube, etc).

Como fazer chamada em vídeo no Google Hangouts:

Mesmo que nunca tenha usado, você já tem acesso a ele e talvez não saiba. Se você já usa Gmail, por exemplo, o HangOut fica logo abaixo da lista de pastas, à esquerda (onde aparece o seu perfil)
Ou você pode entrar em hangouts.google.com. A página tem um ambiente próprio e mais “amigável”, que não se mistura com seus e-mails
Também é possível fazer o download do app para celular/tablet pela loja de aplicativos (Google Play ou App Store, se for iphone)
Você pode buscar seus amigos entre seus contatos (pessoas com quem você já trocou e-mail pelo Gmail estão ali automaticamente, assim como contatos que possui em celulares Android, por exemplo). Ou pode convidar pessoas
Aí é só clicar noentrar na opção “Vídeochamada” (no computador) ou
E você pode criar um grupo, assim como no WhatsApp, para não ter que mandar convite um por um nas próximas vezes.

Skype
Até 50 pessoas por videochamada.

Pertencente à Microsoft, é um dos primeiros apps de conversa em vídeo online, lançado em 2003. Além de chamadas em vídeo (ou só áudio) e texto, ele também permite compartilhar a tela do computador (a pessoa pode ver o que está na tela da outra e ajudar a resolver algum problema, por exemplo).

Como os demais citados na reportagem, ele é gratuito, a menos que você queira comprar crédito para fazer chamadas telefônicas para telefones fixos e celulares. Existe a versão Skype for Business, que é paga (US$ 2 por mês, por usuário) e permite até 250 pessoas em uma chamada de vídeo, mas é mais voltada para empresas, como o nome diz.

Como fazer uma chamada em vídeo pelo Skype:

Baixe o Skype no celular ou tablet pela loja de aplicativos (Google Play ou App Store, se for iPhone) ou no computador (skype.com)
Também é possível usar o Skype no computador sem baixar nada, em web.skype.com
Crie uma conta; se você tiver uma conta Microsoft (como @outlook. com ou @msn.com ou sendo usuário do pacote Office), já é automaticamente um usuário Skype; basta abrir o app e fazer login
Busque os amigos pelo nome de perfil deles no Skype ou pelo e-mail. Se não encontrar, você pode mandar um convite

Zoom
Até 100 pessoas por videochamada.

O programa faz reuniões virtuais no computador ou celular/tablet, e permite compartilhamento de tela (as pessoas podem ver o que está na tela do computador de quem compartilhou, para entender um passo a passo, por exemplo, ou acompanhar um texto). Por isso tem sido usado para aulas online, com ou sem vídeo.

Como fazer chamada de vídeo no Zoom:

Baixe o Zoom no celular/tablet pela loja de aplicativos (Google Play ou App Store, se for iPhone) ou no computador (em zoom.us/pt-pt/meetings.html)
Se recebeu um convite, não precisa ter conta na plataforma para entrar na reunião: basta incluir o “ID” (número) da reunião, que aparece nesse convite
Caso queira criar uma reunião e enviar convites, é preciso ter uma conta no aplicativo (ele pede apenas o email e a criação de uma senha) ou fazer login com a conta do Google ou do Facebook.

Como fazer ligações em vídeo para várias pessoas ao mesmo tempo 2
Mulher faz ligação de vídeo com duas pessoas durante quarentena de coronavírus; chamadas também acontecem entre médicos e pacientes — Foto: AP Photo/Mark Lennihan

Por G1

Conheça o App que avalia se você estar infectado com coronavírus

Conheça o App que avalia se você estar infectado com coronavírus 3

No combate ao Coronavírus, empresas e governos têm adotado várias medidas de prevenção. O SUS, por exemplo, em parceria com o Ministério da Saúde, está lançando um app com informações úteis para combate e prevenção do Coronavírus. As gigantes de tecnologia, por sua vez, têm sofrido várias consequências em virtude do surto do novo Coronavírus (SARS-CoV-2) pelo mundo, especialmente na China, epicentro da doença, e onde estão localizadas as fábricas de várias empresas como a Samsung e LG, por exemplo.

O aplicativo chamado “Coronavírus – SUS” é gratuito e pode ser baixado em smartphones com sistema operacional Android e em iPhone.

O software apresenta notícias em tempo real e dicas para se prevenir do Covid-19. Além disso, o app também apresenta um mapa, com base em sua localização, que identifica os postos de saúde públicos mais próximos.

No entanto, a principal função do aplicativo é a análise da condição de saúde do usuário. Caso esteja se sentindo mal e com possíveis sintomas do vírus, o indivíduo pode responder questões no aplicativo que avaliam o risco de infecção.

Ao tocar no botão “Está se sentindo mal?”, o possível paciente tem que selecionar os sintomas que apresenta no momento, para qual país viajou e se teve contato próximo com algum caso suspeito ou confirmado de coronavírus nos últimos 14 dias.

Respondidas as questões, o app avalia a condição do usuário e o aconselha – ou não – a procurar atendimento médico, dependendo da urgência e necessidade. Confira, abaixo, uma reprodução de duas das ferramentas citadas acima:

Conheça o App que avalia se você estar infectado com coronavírus 4

O aplicativo é parte da campanha do Ministério da Saúde para conscientizar a população sobre o perigo do vírus. De acordo com o órgão, as dicas e conteúdos presentes no app serão lançados nas plataformas e redes sociais.

Até o momento, o Brasil registrou mais de 400 casos suspeitos de coronavírus, com a maioria deles sendo em São Paulo. (Por Exame)

Call of Duty: Warzone é um battle royale grátis para PC e consoles

Call of Duty: Warzone tem battle royale com 150 jogadores e modo Saque (Plunder); jogo chega para PS4, Xbox One e PC

A Activision anunciou oficialmente Call of Duty: Warzone, um battle royale que é gratuito para jogar: sua equipe é composta por três membros, e 150 jogadores se encontram no mapa de Verdansk para tentarem ser os últimos sobreviventes. O título traz ainda um novo modo chamado Saque (Plunder), e estará disponível globalmente no PS4, Xbox One e PC nesta terça-feira (10).

O modo Battle Royale de Call of Duty: Warzone coloca 150 jogadores em uma cidade chamada Verdansk, divididos em esquadrões de três, que lutarão para serem o último time sobrevivente. Graças ao cross-play, cada batalha pode reunir usuários de diferentes plataformas.

Você encontrará missões secundárias, chamadas Contratos, espalhadas pelo mapa: elas dão recompensas como dinheiro (virtual), pontos de experiência e armas. Também é possível visitar Estações de Compra para obter Melhorias de Campo, Killstreaks ou Tokens de Reanimação que trazem de volta os membros abatidos da equipe.

Call of Duty: Warzone é um battle royale grátis para PC e consoles 5

Há aqui uma mecânica de respawn chamada Gulag: ao morrer pela primeira vez, o jogador é levado para uma batalha de Atirador 1v1, na qual o vencedor retorna a Verdansk e o perdedor é eliminado de vez.

Também é possível comprar um Kit de Autorreanimação para se curar e continuar a partida. E, se um membro do seu esquadrão for morto, você pode trazê-lo de volta adquirindo um Token de Reanimação. Como você pôde notar, o jogo é repleto de oportunidades para microtransações — assim como praticamente todo free-to-play.

Além do modo Battle Royale, Call of Duty: Warzone traz o modo Saque (Plunder): os times concorrem entre si para coletar a maior quantidade de Dinheiro possível completando Contratos, buscando Caixas de Suprimentos e eliminando oponentes. Aqui, cada jogador tem respawns ilimitados.

Call of Duty: Warzone é um battle royale grátis para PC e consoles 6

Warzone é integrado com CoD: Modern Warfare
Warzone é uma experiência que complementa o mundo de Call of Duty: Modern Warfare. Os jogos têm a mesma Loja de Itens e o mesmo Sistema de Passe de Batalha, que permite desbloquear duas novas armas funcionais grátis, até 300 pontos COD, cartões de visita e mais.

Além disso, quem comprar Modern Warfare no futuro poderá transferir todo o progresso e itens de Warzone. Se você já tiver Modern Warfare instalado no seu console ou PC, o download do novo jogo pesará entre 18 GB e 22 GB. Caso contrário, você terá que baixar de 83 GB a 101 GB.

Call of Duty: Warzone estará disponível em 10 de março de 2020 para PS4, Xbox One e PC às 12h (horário de Brasília) para quem possui Modern Warfare, e às 16h para o público em geral.

Call of Duty: Warzone é um battle royale grátis para PC e consoles 7

Com informações Activision.

Saiba como identificar um iPhone falso

Telefones falsificados tentam imitar o design do smartphone da Apple e enganam leigos

Quem frequenta sites alternativos de e-commerce e grupos de compra e venda nas redes sociais em busca de celulares novos e usados já deve ter encontrado algumas ofertas irrecusáveis de iPhones novos com preços bem convidativos e abaixo do varejo.

Em alguns casos, o iPhone falso tenta imitar o design do smartphone da Apple e chega a enganar os mais leigos no assunto, na esperança de comprarem seu primeiro iPhone. Alguns detalhes, porém, ajudam a desmontar a farsa dos celulares falsos (feitos para se parecerem com os aparelhos mais famosos) que, quase sempre, são vendidos sem nota fiscal e sem os acessórios originais como fones de ouvido e/ou carregador.

Saiba como identificar um iPhone falso 8

Apesar da aparência das réplicas serem quase sempre idênticas a de um original, os celulares falsificados não tem o mesmo desempenho que os originais. São telefones fabricados com peças, câmeras, processador e até software diferentes (por isso eles são mais baratos) e não passam pelo controle de qualidade da fabricante original.

Como não cair em uma fria comprando um iPhone falso
Se você estiver fazendo pesquisas de preço, algumas dicas podem ajudar a verificar se trata-se de um iPhone original. A opção mais segura é comprar em lojas oficiais da Apple ou em varejistas autorizados. Tenha com você, também, a lista atualizada do Procon-SP “Evite estes sites” que revela centenas de lojas para não comprar.

O que observar em um iPhone falso
Selos da Anatel e FCC: essas informações são referentes aos órgãos governamentais (Federal Communications Commission – FCC e Anatel) na parte traseira do aparelho. Em modelos mais novos, como iPhone 8 ou X, não há essa informação na traseira (exceto se ele tenha sido comprado em algum país da União Europeia).

Cores: nem todo modelo de iPhone está disponível nas cores que aparecem à venda. Confira no site da Apple quais são oferecidas para o modelo que você quer comprar.

Entradas de fone de ouvido e carregador: os modelos mais novos usam apenas a Lightning e dispensam a entrada P2. Algumas carcaças falsas ignoram esse detalhe. Ou, quando são cópias de modelos com entrada para fone, posicionam em outro lugar.

iOS, iTunes e App Store: celulares originais rodam o sistema operacional móvel da Apple, o iOS, nunca Android. E apresentam na tela de início apenas uma maçã (símbolo da companhia). O download de aplicativos é feito pela App Store (procure por esse app) e, ao se conectarem ao computador com o iTunes, são automaticamente reconhecidos.

iPhones falsos não serão reconhecidos pelo iTunes no computador. Na maioria dos casos são nomeados na máquina como um hard disc, um pendrive ou drive externo.

Siri: a assistente do iPhone pode ser uma boa ajuda para reconhecer aparelhos falsos, mesma ela não dando as caras. A assistente virtual é exclusiva e só funciona no original. Tente acessar a Siri e, se interface aparecer, trata-se de um original. Se a Siri não aparecer ou funcionar corretamente, o aparelho é falso. Vale notar que a Siri pode ser desativada (o que não acontece deliberadamente), mas nunca removida do dispositivo.

IMEI e número de série: um IMEI (International Mobile Equipment Identity) é o número de identificação do celular. Trata-se de um código único. Você pode observá-lo na traseira da caixa original, na traseira do celular e na bandeja do cartão SIM. Com o celular ligado, encontre o número em Ajustes > Geral > Sobre. Agora, compare se todos são iguais.

Verifique o número de série do celular, outra combinação única usada para obter suporte e manutenção da Apple. Vá novamente em Ajustes > Geral > Sobre. Pegue o número e cheque, no site da Apple, se é válido e se o aparelho está na garantia. Sendo original, você saberá mais detalhes. Se for falso, o sistema não reconhecerá.

Saiba como identificar um iPhone falso 9

Qualidade da tela e da câmera: os iPhones têm uma tela chamada display retina, com tecnologia 3D Touch (a partir do iPhone 6 Plus). Em geral, as falsificações usam telas de resolução mais baixas, assim como as câmeras que são mais lentas na hora do clique e com resultado bem inferior para fotos e vídeos. Compare com outros modelos de telefones por perto e, se possível, com outro iPhone.

Especificações técnicas: ofertas de iPhones com 8 GB ou 16 GB de espaço de armazenamento interno podem ser enganosas. A fabricante do smartphone trabalha com o mínimo de 32 GB (desde o iPhone 7) e oferece versões com 64 GB, 128 GB e 256 GB.

Botão Home e Touch ID: o iPhone mudou o design do botão Home que antes era mecânico e agora é mais sensível, detectando a pressão do dedo. Os modelos mais novos também trazem um leitor de digitais. Vá em Ajustes > Touch ID e tente cadastrar seu dedo como identificação (a partir do iPhone SE). Se você não conseguir, é falso.

Acabamento, peso e acessórios: iPhones falsos geralmente são mais pesados, oferecem uma sensibilidade não tão boa do touchscreen, demoram mais para carregar a bateria e têm sinais perceptíveis de um acabamento distante do padrão de qualidade Apple. Carregador e fone de ouvido, quando presentes, também são diferentes dos originais. Peça para ver o conteúdo da caixa e verificar a presença desses elementos.

Recursos não originais: é comum encontrar entre os iphones falsificados ofertas “recursos extras” como TV Digital, loja de aplicativos alternativas, jogos embutidos, dual-sim (iPhone com dois chips) e outras funções que a Apple ainda não adotou.

Segurança: lembre-se que dispositivos falsificados, sem controle de qualidade ou selos de homologação, dificilmente passam em testes de segurança e podem ser nocivos à saúde (usando metais pesados e substâncias tóxicas na montagem). Esses aparelhos também não estão livres de erros de projeto e fabricação que podem fazê-los explodir enquanto carregam na tomada ou deformar por baixa resistência dos seus materiais. (Por tecnoblog.net)

Baixar APK Brasil TV New: Versão Atualizada

Saiba como baixar e usar o APK Brasil TV New, o melhor aplicativo dos últimos anos para assistir TV, filmes e séries.

Baixar APK Brasil TV New: Versão Atualizada 10

O APK Brasil TV New é sem duvidas, um dos melhores aplicativos para seu dispositivo Android de TV Online lançados nos últimos anos. Baixe agora mesmo a nova atualização do aplicativo que tem funções como tela cheia e sem limite de teste, com ele você poderá ter bastante conteúdo na palma de sua mão e o melhor, é totalmente gratuito. Ele também funciona em box TV!

Com o Brasil TV News você não vai mais perder seus jogos brasileirão das séries A, B, C com tranquilidade em seu celular android ou box tv ou pc com emulador. Assista aos principais canais de TV do Brasil, sem travar em HD no android.

Baixar APK Brasil TV New: Versão Atualizada 11

Brasil TV New Apk Download: Versão Atualizada
O Brasil TV New está disponível em formato apk, o que significa que é preciso realizar o download a partir do navegador de internet. Para conseguir executar esse processo, é preciso estar autorizado os downloads de fontes de app de terceiros.

Além de ser excelente, ele tem uma grande biblioteca de séries, filmes, animes. Brasil TV New app atualizado é um aplicativo de IPTV sem limite de teste e totalmente gratuito. Faça o download da última versão do app e tenha todos os canais de Tv em seu Smartphone.

Como instalar o Brasil TV New APK no celular:

Atenção: Antes da instalação, habilite nas configurações do seu celular, a instalação de fontes desconhecidas.

Baixar APK Brasil TV New: Versão Atualizada 12
Imagem: arquivoti.net

1 – Baixe o arquivo instalador, a versão que preferir.
Download Brasil TV New v2.12.7 ( link direto | Mediafire )

Versões anteriores:
– v2.12.3: APK direto | Mediafire
– v2.10.5: Baixar
– v2.9.15: Baixar
– v2.9.3: Baixar
– v2.8.5: Baixar
– v1.2.3: Baixar

3 – Localize onde o aplicativo foi baixado e o abra.
Baixar APK Brasil TV New: Versão Atualizada 13

4 – Siga os passos de instalação e pronto!
Baixar APK Brasil TV New: Versão Atualizada 14

Como proteger o iPhone contra ataques de hackers, guia completo!

Como proteger o iPhone contra ataques de hackers, guia completo! 15

Tendo problemas com o seu iPhone? Leia este guia, escrito por Pcusb, que ajudará você a proteger seu smartphone!

Embora o IOS seja mais seguro que outros sistemas operacionais móveis, hoje vou explicar como proteger o iPhone contra ataques de hackers!

Se você usa o iPhone para o trabalho e a vida pessoal, é muito importante proteger todos os seus dados pessoais de olhares indiscretos .

Seus dados de login de seus sites favoritos, suas fotos e seus vídeos podem ser explorados por pessoas obscuras para roubar sua identidade e suas finanças.

Então, como você pode proteger o iPhone de todas essas armadilhas e dormir profundamente?

Não se preocupe! Com este tutorial simples, você poderá proteger todos os seus dados confidenciais e tornar seu iPhone praticamente blindado.

No entanto, lembre-se de que a primeira regra fundamental é executar periodicamente um backup completo do seu iPhone , permitindo armazenar e proteger todos os seus dados contra ataques externos.

Proteger mantendo o iPhone atualizado

A primeira regra a ser seguida escrupulosamente é certamente manter seu sistema operacional móvel.

Os hackers estão sempre procurando novos pontos de acesso particularmente fracos no seu IOS.

De fato, além de melhorar e integrar novos recursos, a Apple lança muitas correções de bugs e, acima de tudo, fecha e resolve muitas vulnerabilidades e falhas.

Portanto, meu conselho é verificar periodicamente a versão do seu IOS e atualizar, se necessário.

Basta ir em Configurações> Geral> Atualização de Software e verificar a versão instalada no seu iPhone.
A partir daqui, você pode iniciar a atualização via OTA, antes de conectar-se a uma rede wifi, para não afetar o tráfego de dados.

Autenticação de dois fatores da Apple

Vamos começar dizendo que esse recurso foi desenvolvido pela Apple para garantir a segurança máxima da sua conta.

Isso nos permitirá ficar longe de atacantes prontos para roubar nossa senha e nossos preciosos dados.

De fato, para acessar nossa conta, além da senha, você também precisará inserir um código de verificação de seis letras enviado para nossos “dispositivos confiáveis”, por exemplo, seu iPhone, iPad ou Mac.

Por exemplo, se você possui um iPhone e compra um novo Mac, para acessar sua conta neste dispositivo, você não apenas precisará digitar a senha, mas também o código de verificação enviado ao seu dispositivo confiável, que é o seu iPhone.

Como a senha sozinha não será mais suficiente para acessar sua conta, mas também será necessário o código de verificação, neste momento, sua conta é muito mais segura.

Mas vamos ver como configurar a autenticação de dois fatores da Apple.

Configurações> nome> senha e segurança> “Ativar autenticação de dois fatores”> Continuar.
Ativar encontrar meu iPhone

Além de manter o seu IOS atualizado, é uma boa ideia usar o Find My iPhone, uma ferramenta de proteção extraordinária para o seu terminal.

Se você precisar perder o iPhone ou roubá-lo, além de ter a possibilidade de bloquear e interceptar o dispositivo, também poderá excluir todos os dados contidos nele.

Dessa forma, a pessoa que possui seu iPhone nunca terá a oportunidade de usar e tomar posse de seus dados confidenciais.

Para ativar o serviço, vá para Configurações> Apple ID> iCloud> Encontrar meu iPhone
Código de segurança mais longo

Outra precaução a seguir é usar um código de desbloqueio maior que os quatro ou seis caracteres usuais.

Isso ocorre porque, com um código de 4 dígitos, mas também de 6 dígitos, é fácil para um hacker desentupi-lo.

Existe um software chamado GrayKey que em poucas horas pode invadir qualquer código alfanumérico de 4 dígitos, em poucos dias com o código de 6 dígitos.

Meu conselho, portanto, é usar um código mais longo, basta pensar que, para um código de 8 dígitos, leva meses antes que você possa hackear!

Para definir um código mais longo no IOS, vá para Configurações> Touch ID e código> Digite seu código> Alterar código
Digite seu código> Opções de código> No menu, escolha Código numérico personalizado ou Código alfanumérico personalizado.
Digite seu novo código e confirme.
Com essas dicas simples, seu iPhone ficará mais seguro e imune a hackers e ataques maliciosos.

#Carnaval: nutricionistas ensinam receitas práticas e saudáveis

Comer algo nutritivo na rua, de forma prática e rápida, por vezes é difícil. Em datas comemorativas, como o Carnaval, pode ser um desafio maior. Então, por que não levar um lanche saudável para o bloquinho? De acordo com as nutricionistas da Magrass, Ana Paula Corteze Ott, Gabrielle Silva Santini e Karla Dayana da Silva, para a época, o ideal é investir em refeições simples que gastam pouco tempo para serem preparadas, e priorizar alimentos naturais ricos em proteínas, carboidratos complexos e fibras, que aumentam a saciedade.

Pensando nisso, a Magrass, maior rede de Emagrecimento Saudável e Estética de Resultado da América Latina, selecionou três receitas simples e saborosas para ficar mais fácil se alimentar da forma certa fora de casa.

Bolinho de Couve-Flor com Frango
Alimentos proteicos como este proporcionam maior saciedade, já que sua digestão é mais lenta. Além de fornecerem a mesma energia que os carboidratos, são nutricionalmente mais interessantes e auxiliam no emagrecimento, pois são pouco calóricos.

#Carnaval: nutricionistas ensinam receitas práticas e saudáveis 16

Ingredientes:
– 500g de peito de frango
– 500g de couve flor
– 7 colheres de sopa de farelo de aveia
– 150g de ricota ou cottage caseiro esfarelado
– 3 ovos
– 50g de muçarela ralada
– Temperos: alho, alho poró, cebola, orégano, açafrão, sal, á gosto.

Modo de Preparo:
Temperar o frango com os temperos citados ou de sua preferência, cozinhar e triturar no mixer, reservar. Cozinhar a couve flor com sal, escorrer a água e triturar no mixer. Em uma tigela acrescentar a couve-flor, o frango, o farelo de aveia, 100g da ricota esfarelada e os ovos. Misturar bem até formar uma massa homogênea. Misturar os 50g de ricota com o queijo muçarela ralado. Abrir a massa e colocar a mistura de queijos para rechear, modelar as bolinhas, pincelar gema de ovo em cima para dourar, levar para assar por 30 minutos. A receita crua pode ser congelada.

Nuggets de Frango
Opção saudável de um prato tradicional servido em fast food, sem conservante e fritura. Alimentos muito gordurosos demoram mais para serem digeridos. Por isso, as preparações assadas, grelhadas ou cozidas são as melhores opções para se manter com energia.

#Carnaval: nutricionistas ensinam receitas práticas e saudáveis 17

Ingredientes:
– 1 kg de peito de frango cru
– 2 dentes de alho
– 1 ovo
– Sal, pimenta do reino, orégano e cebolinha picada à gosto

Para empanar:
– 500g de farelo de aveia
– Temperos desidratados – opcional

Modo de Preparo:
Processar os ingredientes até virar uma massa. Moldar os nuggets. Passar no farelo de aveia para empanar. Untar uma forma com azeite e dispor os nuggets, levar para assar em forno pré-aquecido à 180 graus por aproximadamente 30 minutos. Também pode ser assado na air fryer.

Suchá de Hibisco com Morango
Folia combina com hidratação constante! Além da água, outros líquidos podem contribuir nesse processo. Melhor ainda se forem naturais.

#Carnaval: nutricionistas ensinam receitas práticas e saudáveis 18

Ingredientes:
– 200 ml de chá de hibisco
– 3 morangos picados em rodelas
– Suco de ½ limão comum
– Adoçante (opcional)
– Gelo (opcional)

Modo de Preparo:
Preparar o chá, deixar gelar e acrescentar os demais ingredientes. Consumir gelado.

O que é VPN e como funciona

O que é VPN e como funciona 19
Sponsored Images : Shutterstock

O que é VPN e como funciona
Se você já foi à McDonalds ou outra rede de fast food para usar a rede wi-fi pública em seu smartphone ou tablet, saiba que isso pode ser uma má ideia. Uma wi-fi aberta não é muito segura, portanto, é fácil para os hackers roubarem os seus dados. Embora seja muito incomum. seria uma coisa terrível se eles colocassem as mãos nas credenciais da sua conta bancária, informações pessoais e, pior ainda, nas suas fotos.

O que é uma VPN Então você quer entender o que é VPN? Em resumo, uma VPN permite conectar seu dispositivo a uma conexão segura pela Internet. As VPNs podem fazer muitas coisas, como permitir que você acesse sites restritos por região, mantenha seus dados protegidos, oculte sua atividade de navegação em uma rede Wi-Fi pública e muito mais.

Para responder à pergunta de forma mais técnica, quando você conecta seu dispositivo a uma VPN, sua navegação é roteada por servidores em todo o mundo, que fornecem um endereço IP proxy.

Por exemplo, digamos que exista um servidor no Japão ao qual você se conecta. Todo o tráfego da Internet é roteado para o servidor em que você recebe um endereço IP novo, neste caso japonês. Portanto, se você mora no Brasil e está navegando na Web, os sites não veem um I.P. baseado no Brasil. Eles vão assumir que você está na ´Terra do Sol Nascente´.

Para ficar o mais claro possível, vamos usar o YouTube como exemplo. Sem uma VPN, apontar o navegador para www.youtube.com mostraria que você tem um endereço IP do Brasil. Depois de conectar-se a uma VPN, você entrará no YouTube japonês ou do local que escolher no seu aplicativo VPN.

As vantagens de uma VPN podem melhorar sua vida
O mundo ao seu alcance: acesse conteúdo bloqueado de qualquer lugar

● Se você estiver viajando para o exterior e quiser acessar o conteúdo de seu país de origem ou se estiver tentando transmitir um vídeo ao vivo de um país diferente e não receber nada além de mensagens de erro irritantes, uma VPN pode ser sua nova melhor amiga, ajudando você a ignorar qualquer restrição geográfica.

● Se você estiver em um país com muita censura e precisar acessar sites bloqueados, uma VPN poderá devolver sua liberdade online.

● Uma VPN permite que você altere seu endereço IP e apareça como se estivesse em um país diferente, e isso pode abrir um novo mundo de possibilidades para você.

Para fazer isso, escolha uma VPN que tenha servidores nos locais necessários. Se você estiver procurando por streaming, é importante escolher uma VPN com alta velocidade que possa contornar o software anti-VPN que alguns serviços de streaming usam. A ExpressVPN é uma das VPNs mais rápidas do mercado e provou repetidamente que pode acessar a Netflix, por mais que tentem mantê-la fora.

Uma VPN mantém você seguro

Hoje em dia, estamos constantemente enviando informações pessoais pela Internet sem pensar duas vezes. Mas, convenhamos: se você está acessando sua conta bancária ou apenas conversando em privado com seu melhor amigo, não deseja que ninguém bisbilhote vocês dois.

Uma VPN criptografa seus dados e mantém sua atividade privada realmente privada, esteja você navegando na Web em casa, no escritório ou através de um wi-fi público. Você sempre permanece anônimo e ninguém – de hackers a funcionários do governo – pode ver o que você está fazendo online.

“Contamos com a Internet para todos os aspectos de nossas vidas, e a soma de nossas atividades e dados online representa um retrato incrivelmente detalhado e íntimo de quem somos e do que fazemos. Não há dúvida de que governos, empresas e outras organizações estão, mais do que nunca, interessados e comprometidos em rastrear essas atividades e explorar esses dados para obter poder ou lucro “. Disse Harold Li, Vice-presidente da ExpressVPN e defensor da Liberdade de informação.

A rede privada virtual da ExpressVPN não apenas mantém você seguro oferecendo criptografia de nível militar, mas também oferece velocidades extremamente rápidas.

Uma VPN pode economizar dinheiro

Depois de usar uma VPN para alterar seu endereço IP, você descobrirá em breve que o acesso

gratuito ao conteúdo de todo o mundo não é a única vantagem.

Muitos sites de comércio eletrônico exibem preços diferentes para compradores de diferentes países – por exemplo, um produto que pode parecer muito caro se você estiver acessando um site da Suécia pode cair repentinamente de preço se você acessar o mesmo site através de um servidor na Índia. Os compradores online têm o direito de saber dessas dicas.

É bom ter isso em mente quando você reservar um voo ou um quarto de hotel para suas próximas férias.

Para uma pesquisa de mercado mais completa, escolha uma VPN que possua servidores em uma ampla seleção de países.

*Texto sobre responsabilidade site Techwarn

Aprenda a criar o meme ‘Linkedin, Facebook, Instagram e Tinder’, o chamado Dolly Parton Challenge

Aprenda a criar o meme 'Linkedin, Facebook, Instagram e Tinder', o chamado Dolly Parton Challenge 20

A cantora Dolly Parton, de 74 anos, acabou criando o primeiro viral de 2020 na internet, na última terça-feira, 21. Ela publicou uma montagem de quatro fotos em seu perfil no Instagram, cada uma, relacionada a uma rede social: Facebook, Instagram, LinkedIn e Tinder. Na descrição ela escreveu: “Consiga uma mulher que possa fazer tudo”.

A publicação dela já soma mais de 745 mil curtidas e mais de 11 mil comentários. O perfil oficial do Instagram até deixou um comentário: “Nós amamos uma criadora de tendências em cada um de seus olhares”. No Twitter, a hashtag #dollypartonchallenge foi uma das mais usadas nesta sexta, 24, somando mais de 68 mil posts.

Na parte do LinkedIn, Dolly colocou uma foto bem formal, já que a plataforma é dedicada a pessoas que querem encontrar um novo emprego. Na parte do Facebook, ela escolheu uma foto sorridente.

Já no Instagram, ela optou por uma imagem onde aparece sorrindo e segurando um violão, de forma bem espontânea. E no Tinder, um dos maiores aplicativos para conhecer pessoas novas, a loira escolheu um imagem onde aparece vestida de coelhinha da revista Playboy.

Para criar a montagem, existe uma forma bem simples, basta pesquisar por Layout from Instagram, tanto na loja de aplicativos do Google quanto da Apple. Basta escolher as quatro fotos que você deseja e escolher o modelo que deixa elas alinhadas, duas em cima e duas em baixo.

Depois, você salva a foto e vai para o Instagram. Lá, você vai na opção de adicionar um storie: ‘Seu story’. Escolhe a foto e digita os nomes das redes sociais e depois salva. Você também pode usar o aplicativo Canva, que tem dezenas de fontes para texto.

Exemplo:
Aprenda a criar o meme 'Linkedin, Facebook, Instagram e Tinder', o chamado Dolly Parton Challenge 21

Jennifer Garner no Instagram:

View this post on Instagram

Yes ma’am, @dollyparton, whatever you say. ♥️

A post shared by Jennifer Garner (@jennifer.garner) on

Miley Cyrus no Instagram:

Lu do Magalu no Twitter:
https://twitter.com/magazineluiza/status/1220770200703918080/photo/1

Como bloquear qualquer menção ao Big Brother Brasil na internet

Como bloquear qualquer menção ao Big Brother Brasil na internet 22

Nesta segunda-feira (20), retornou o programa mais controverso da TV brasileira: o Big Brother Brasil. O reality chega em 2020 à sua 20ª edição, e continua sendo um verdadeiro divisor entre os internautas: existem aqueles que amam de paixão e não conseguem ficar sem, e aqueles que odeiam muito e simplesmente não suportam ouvir qualquer menção a ele.

Se você se encontra no segundo grupo, os próximos meses serão um tanto complicados, já que menções ao programa costumam dominar as redes sociais enquanto ele está sendo transmitido. Mas, se você quer se proteger da “enxurrada BBB”, há diversas maneiras de se fazer isso de forma bem simples.

Evitando conteúdos sobre BBB no Twitter
Pelo caráter imediatista de um tuíte, o Twitter é um dos lugares onde os usuários mais discutem sobre o Big Brother, já que as pessoas costumam tuitar em tempo real as coisas que estão assistindo.

Na ânsia de compartilhar com o mundo as emoções que sentem ao ver que duas pessoas aleatórias pularam bêbadas na piscina, estão dando uns amassos debaixo do edredom ou simplesmente se revelaram como fãs não irônicos de Jota Quest em pleno 2020, o Twitter pode se tornar um lugar insuportável para aqueles que odeiam qualquer coisa relativa ao BBB. Mas você não precisa simplesmente deixar de usar a plataforma, já que ela mesma oferece diversas ferramentas para se evitar certos assuntos.

Uma das primeiras coisas que você pode fazer no Twitter é desabilitar a reprodução automática de vídeos e imagens, impedindo-os de serem executados automaticamente mesmo quando você estiver apenas rolando o feed (e impedindo-o de, de repente, se pegar assistindo um vídeo com dois caras super bombados falhando em fritar um ovo)

Para isso, é necessário acessar o menu de “Configurações & privacidade” clicando sobre a sua foto de perfil no canto superior esquerdo do app para dispositivos móveis ou na opção “Segurança & privacidade” no Twitter web, que você acessa ao clicar na opção “Mais” no menu à esquerda. Dentro desse menu, será necessário clicar na opção “uso de dados” e então você terá acesso à opção de desligar a reprodução automática de vídeos. Aí, é só escolher a opção “nunca” que os vídeos não serão mais reproduzidos automaticamente.

Como bloquear qualquer menção ao Big Brother Brasil na internet 23
No browser, você pode acessar a opção de reprodução automática de vídeos no menu “Uso de dados” (Captura: Rafael Rodrigues/Canaltech)

No mesmo menu em que você está, logo acima de onde você desligou a reprodução automática de vídeos, há uma opção chamada “Imagens de alta qualidade”. É só clicar nela e escolher a opção “Nunca” para evitar o carregamento automático de imagens durante a navegação.

Infelizmente, essa é uma opção exclusiva do app e não existe em nenhum dos menus da versão para browser do Twitter, então não há como evitar o carregamento de imagens de forma automática se você usa o Twitter pelo navegador.

Como bloquear qualquer menção ao Big Brother Brasil na internet 24
No aplicatívo móvel, a reprodução automática de vídeos e de fotos pode ser configurada na mesmo menu (Captura: Rafael Rodrigues/Canaltech)

Outra forma de bloquear conteúdo no Twitter é usando a opção “Silenciar” da rede social. Essa opção permite que você silencie — ou seja, tire de sua linha do tempo — algum usuário específico ou qualquer tweet que utilize uma palavra-chave configurada. Uma das opções mais recomendadas é silenciar logo de cara aquele seu amigo que fica o dia inteiro tuitando sobre o BBB.

Para isso, é só achar um tweet do usuário que você quer silenciar, clicar na seta para baixo que fica no canto esquerdo do tweet, e escolher a opção “silenciar @”.

Como bloquear qualquer menção ao Big Brother Brasil na internet 25
Ao silenciar um usuário, você não verá mais nenhum publicação dele em sua timeline (Captura: Rafael Rodrigues/Canaltech)

Além de silenciar um usuário em específico, o Twitter também permite silenciar palavras relacionadas a algum assunto. Para configurar as palavras que serão silenciadas, é necessário acessar o Twitter pelo navegador (o aplicativo não permite cadastrar essas palavras) e, dentro do menu de configurações, escolher a opção “Preferências de conteúdo”, dentro dela escolher a opção “Silenciado” e, então, a opção “Palavras silenciadas”, e clicar no botão “+” que fica no lado superior direito do menu, logo depois do nome da seção.

Ao clicar em adicionar, você será levado a uma tela onde poderá inserir qualquer palavra, definir se serão silenciadas apenas pessoas que você não segue ou qualquer pessoa. Para bloquear qualquer menção ao programa, recomendamos a opção “De qualquer pessoa”. Também é possível definir por quanto tempo você quer que aquela palavra seja silenciada. Aí, é só adicionar as palavras que você quer silenciar, ou seja, todo e qualquer tweet que contiver uma das palavras ou hashtags adicionadas não irá aparecer na sua linha do tempo.

Como bloquear qualquer menção ao Big Brother Brasil na internet 26
Ao clicar no botão “adicionar” é possível inserir mais palavras à lista e definir por quanto tempo o termo ficará bloqueado (Captura: Rafael Rodrigues/Canaltech)

Por isso, é necessário não apenas definir as palavras principais (como “Big Brother”, “Big Brother Brasil” ou “BBB”) para se bloquear de verdade um assunto, mas também definir algumas palavras que podem ter relação a esses conteúdos (como “Tiago Leifert”, “casa mais vigiada do brasil” ou “big fone”) se você quiser realmente fugir de qualquer tweet sobre o programa.

Outra opção possível é silenciar também o nome de cada um dos participantes do reality, mas nesse caso é preciso tomar cuidado. No momento que essa matéria foi escrita a Globo ainda não tinha divulgado a lista dos participantes deste ano, então não sabemos exatamente os nomes deles para sugerir aqui, mas é preciso tomar cuidado quando se coloca qualquer nome próprio na lista de palavras silenciadas do Twitter.

Por exemplo, se você silencia a palavra “Adriana” porque uma das participantes do programa tem esse nome, o Twitter não apenas irá bloquear qualquer tweet que tenha menção a ela, mas sim qualquer tweet que possua a palavra “Adriana”. Por isso, ao fazer isso além de bloquear o BBB você também poderá estar bloqueando postagens de alguma conhecida com o nome de Adriana, novidades sobre a vida da atriz Adriana Esteves, ou mesmo um retorno surpresa do grupo de pagode Adriana & A Rapaziada.

Evitar o BBB navegando na web

Como bloquear qualquer menção ao Big Brother Brasil na internet 27

Infelizmente (ou, felizmente) a internet não se resume ao Twitter e não existem ferramentas similares de silenciamento nas outras redes sociais ou mesmo no feed do Google. Então, para termos uma navegação realmente segura contra os Brothers e SIsters, é necessário usar uma extensão para bloquear esses conteúdos.

Provavelmente a melhor dessas extensões seja o Spoiler Protection 2.0, disponível tanto para Chrome e Firefox nas versões para computador e também no Firefox para Android em dispositivos móveis. A extensão funciona de maneira bem parecida com o silenciamento de palavras do Twitter: você configura quais são as palavras que quer que ela bloqueie e, caso alguma dessas palavras apareça durante a navegação, o potencial spoiler é bloqueado por um enorme quadrado vermelho que impede a visualização do conteúdo.

Como bloquear qualquer menção ao Big Brother Brasil na internet 28
Na aba “Spoiler keywords”, é possível definir quais palavras serão bloqueados pela extensão (Captura: Rafael Rodrigues/Canaltech)

A extensão é bem completa e permite não apenas configurar quais os temas e palavras que serão bloqueados, mas também onde esse conteúdo será bloqueado (por exemplo, é possível configurar para bloquear potenciais spoilers no Reddit e no YouTube, mas não esconder nenhuma publicação no Facebook) ou ainda fazer uma “white list” de sites que, mesmo que utilizem algum dos termos bloqueados, não serão “censurados” pela extensão (como, por exemplo, o Canaltech, onde o assunto BBB será tocado apenas em postagens como essa, e nunca ficaremos fofocando sobre o que acontece na casa).

Como bloquear qualquer menção ao Big Brother Brasil na internet 29
Na aba “Categories”, é possível definir sites que não serão bloqueados pela extensão, como por exemplo o Canaltech (Captura: Rafael Rodrigues/Canaltech)
Como bloquear qualquer menção ao Big Brother Brasil na internet 30
Na aba “Spoiler Context”, é possível definir em quais sites a extensão irá bloquear os conteúdos programados (Captura: Rafael Rodrigues/Canaltech)
Como bloquear qualquer menção ao Big Brother Brasil na internet 31
Exemplo de busca no Facebook por BBB com o Spoiler Protection 2.0 ativado (Captura: Rafael Rodrigues/Canaltech)

Mas, para aqueles que acabam se atrapalhando com tantas opções e menus, existem outras extensões bloqueadoras bem mais simples e fáceis de usar. Uma delas é o Unspoiler: você apenas digita qual filme ou programa de TV que deseja que a extensão bloqueie e ela automaticamente faz uma lista de possíveis palavras-chave sobre aquele assunto que deverão ser bloqueadas.

Caso durante a navegação alguma dessas palavras-chave apareça, ela será substituída por uma fina faixa vermelha avisando que aquele conteúdo é sobre algum dos temas que você configurou, e um botão de “revelação” para o caso de você querer ver o que a extensão está escondendo.

Como bloquear qualquer menção ao Big Brother Brasil na internet 32
O Unspoiler substitui os conteúdos sobre o programa bloqueado por uma faixa vermelha que alerta sobre ele, além de um botão que permite visualizar o conteúdo por sua conta e risco (Captura: Rafael Rodrigues/Canaltech)

Bloquear BBB no iOS

Como bloquear qualquer menção ao Big Brother Brasil na internet 33

Infelizmente, não encontramos nenhum jeito de fazer esse bloqueio nos aparelhos iOS. O sistema possuía bons apps do gênero, como o Spoiler Block e o Spoiler Shield, mas todos eles deixaram de funcionar após a atualização das regras de privacidade da App Store em 2018, já que eles necessitavam de permissão para alterar aplicativos de terceiros e isso viola as novas diretrizes da Apple. Então, lamentamos, mas ainda não descobrimos um modo de evitar ver assuntos do BBB no seu iPhone.

Com informações do Canal Tech

ÚLTIMOS POSTES